Foto Miriam.jpg

“Eu me chamo Jorge Severo Queirolo, conhecido como Gaúcho. Tenho 60 anos e estou na cidade de Cotia há 56 anos. Existia nos anos 90 um programa feito para as crianças, os escoteiros, do qual fiz parte por muito tempo. Anos mais tarde, retomei o projeto dos escoteiros. Daí surgiu a oportunidade de trabalhar no Departamento de Cultura, e fui convidado para cuidar da feira de artesanato. Aquela feira me deu muito orgulho! Foi muita coisa boa; aprendi muito com os artesãos. Essa foto foi montada uma ou duas semanas antes de eu sair da administração da feira. A gente convocou todo mundo e cada um dos artesãos colocou um produto. Isso me traz muitas lembranças, e das boas, de coisas que eu ainda não desisti. Eu peço aos artesãos que se unam, encontrem um ao outro, montem, se eu não fizer, uma associação de artesanato, em Cotia e vão para frente. Busquem o que é de vocês. Eu sou uma pessoa que ajuda, podem contar comigo. É só o que posso dizer.”

Entrevistado: Jorge Severo Queirolo

Entrevistadores: Ricardo Martins; Lucas Alves; Mirian Oliveira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s